Universitário pesquisa novo produto com chinelos descartados

matéria site
Na natureza é possível perceber como os recursos utilizados são reaproveitados dentro de um ecossistema sem que haja desperdício. Porém, o mesmo não pode ser afirmado em relação ao ser humano.  A produção em massa é responsável por uma boa parte do consumo de bens que não se renovarão. Além disso, há o acúmulo de uma quantidade significativa de dejetos que irão impactar ainda mais o meio ambiente. E a origem desses dejetos está nos mais variados produtos do cotidiano, como os chinelos ou sandálias de borracha.
Partindo dessas premissas, o acadêmico do quarto ano de Design, da UEM – Campus Cianorte, Guilherme Ortiz, participa de um projeto de Pesquisa denominado “Design e Materiais: Do Resíduo da Borracha Sintética de Calçados ao Design de Produtos” e desenvolve também seu Trabalho de Conclusão de Curso como o mesmo tema.
“A finalidade é pesquisar e desenvolver um produto a partir de resíduos sólidos de borracha sintética proveniente de chinelos descartados, bem como sugerir possíveis aplicações em design de produtos”, explica o universitário.
Para desenvolver seu trabalho, além da pesquisa teórica orientada pelo professor Marcelo Forcato, Guilherme conta com a solidariedade da comunidade para conseguir  arrecadar os chinelos e sandálias de borracha usados para sua pesquisa.

Para tanto, ele dispôs caixas pelo campus, incentivando a doação de sandálias que ao em vez de irem para o lixo farão parte dos estudos.

A comunidade externa que deseja auxiliar no trabalho pode trazer suas doações até a UEM ou falar diretamente com o acadêmico através do email guilhermeclausemortiz93@gmail.com 
entrega

O acadêmico Guilherme Ortiz, com os professores Marcelo Forcato e Joner de Lima em um dos postos de coleta na UEM (Foto: Anderson Theodoro)

Publicado em Notícias